2.2.4 The Interactive Startup File

Quando você usa o Python de forma interativa, é freqüente fazer com que alguns comandos padrão sejam executados sempre que o interpretador é iniciado. Você pode fazer isso configurando uma variável de ambiente chamada ‘PYTHONSTARTUP’ para o nome de um arquivo contendo seus comandos de inicialização. Isso é semelhante ao recurso ‘.profile’ dos shells UNIX. Este arquivo é lido apenas em sessões interativas, não quando Python lê comandos de um script e não quando ‘/dev/tty’ é dado como fonte explícita de comandos (que de outra forma se comporta como uma sessão interativa). É executado no mesmo namespace onde os comandos interativos são executados, de modo que os objetos que ele define ou importam podem ser usados sem qualificação na sessão interativa. Você também pode alterar as instruções sys.ps1 e sys.ps2 neste arquivo.Se você quiser ler um arquivo de inicialização adicional do diretório atual, você pode programar isso no arquivo de inicialização global usando um código como este:

if os.path.isfile('.pythonrc.py'):
    execfile('.pythonrc.py')

Se você quiser usar o arquivo de inicialização em um script, você deve fazer isso explicitamente no script:

import os
filename = os.environ.get('PYTHONSTARTUP')
if filename and os.path.isfile(filename):
    execfile(filename)

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s